quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Rali Ibérico

O meu amigo Fernando Santos está sempre pronto a dar a sua contribuição para a divulgação das peças “raras” sobre as Caldas.
Desta vez enviou-me a imagem de um crachá de 1956, alusivo à realização do 2º Rali Ibérico que constava de um acampamento na Mata, organizado pela Federação Portuguesa de Campismo, segundo me conta ele, a curiosidade é que a este rali Ibérico não compareceu um único Espanhol.   

Como o texto inicial oferecia algumas dúvidas o Amigo Fernando Santos esclatreceu:

Há aqui um equívoco. O Crachá do 2º Rali Ibérico é referente a um acampamento na Mata organizado pela Federação Portuguesa de Campismo em colaboração com a Secção de Campismo do Sporting Clube das Caldas que na época estava em grande actividade. Lembro-me muito bem porque estive de serviço na Recepção.
Compareceram muitos campistas, creio que alguns franceses,  (os únicos que naqueles tempos por cá apareciam a fazer campismo), nenhum espanhol, e, embora corresse o mês de  Agosto, os Fogos de Campo foram sempre acompanhados da habitual cacimba e nevoeiro. Na primeira noite ainda lá dormi, mas como naquela altura padecia de Asma, as duas noites seguintes deixei lá a Tenda e fui dormir a casa.
Um abraço e até breve.
Fernando Santos

2 comentários:

Victor Pessa disse...

O meu pai tem um cracha igual. Recordo de ter ido com ele até á mata e apreciar o espectáculo. Recordo que aquela zona de plátanos existente junto ao caminho que dá acesso ao Campo de futebol estar repleta de tendas de campismo. Para os meus 7 anos era fascinante ver aquele colorido todo e poder participar de certa forma no acontecimento, mesmo que indirectamente.

Fernando Santos disse...

Sinto-me feliz por haver alguém que tenha um crachá igual, e recordar, embora criança o que viu. A minha tenda também estava lá, e foi exactamente como o Victor Pessa aqui descreve. A diferença é que eu já estava com 23 anos.
Cumprimentos para o Victor e ao pai que eu devo te conhecido nos tempos do Salão Ibéria.
Fernando Santos