sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Quinta da Regaleira

Confesso que não conhecia a Quinta da Regaleira em Sintra, o que era imperdoável porque é realmente um local de magia que nos transporta para outra dimensão.
È um local de grande beleza e fica plenamente justificado por que é que a Unesco o considerou de Património Mundial.

A Quinta nasceu no início do século XX, da imaginação do seu proprietário, António Augusto Carvalho (1848-1920), e do arquitecto responsável pelo projecto, o italiano Luigi Manini (1848-1936).
Para se conhecer verdadeiramente a Quinta da Regaleira, é necessário senti-la, cheirá-la, tocá-la, e contemplar a cenografia dos seus jardins e das suas edificações, porque só assim, podemos compreender a sua verdadeira essência.

Muita coisa ficou por ver, prometo lá voltar um dia destes.

1 comentário:

Pezinhos na Areia disse...

Passear pelos jardins fantásticos da Quinta da Regaleira é um regalo... É um mundo mítico e encantado. Das duas vezes que fui à Regaleira fiz a visita guiada e percursos diferentes. Um deles a partir do Poço Iniciático até ao Lago da Cascata. Era a minha filha R pequena e saltar de pedrinha em pedrinha com ela não foi fácil. E a colónia de morcegos regressou à Quinta!
Realmente é um local de culto e de visita obrigatória...

Um abraço