domingo, 6 de julho de 2008

Caldas intemporal V



Mais uma série de imagens que temporalmente distam entre a primeira e a última um século.
Trata-se da Rua Miguel Bombarda, outrora uma das ruas mais importantes da Vila pois era aqui que se encontrava o Hotel da Copa que segundo a documentação da época era o albergue por excelência da classe social mais abastada, quando estas vinham até às Caldas para um período Termal

Esta artéria da cidade cujo nome anterior era Rua Serpa Pinto, aparece referenciada na sessão da Câmara de 24 de Outubro de 1871 que deliberou “que a feira semanal de porcos grandes e pequenos passasse a ser no largo existente com o fim da Rua do Jogo da Bola (Rua das montras) e passasse para a Rua dos monturos, no largo que fica ao fundo do Jogo da Bola”.No final do século dezanove passa a Rua Serpa Pinto e em 8 de Março de 1911, passa a denominar-se Rua Dr. Miguel Bombarda.

2 comentários:

Artur R Gonçalves disse...

Magnífica a representação mais antiga da artéria, cuja sobriedade clássica se perdeu inexoravelmente nas seguintes. A construção dos novos gigantes de betão armado ao fundo retirou-lhe todas as hipóteses de respiração que nem o empedrado da mais recente consegue mitigar completamente.
Tenho uma muito vaga ideia do Hotel da Copa já despojado das grandezas da Belle Époque termal de princípio de século. Era aí que, uma vez por semana, e ao longo de não mais de uma ano, assistia às aulas de catequese.

Luis Eme disse...

excelente...