quarta-feira, 10 de janeiro de 2007

As coisas que eu aprendi.

Um dia destes comprei o “Borda D’Água”, e desfolhando este almanaque a minha atenção redobrou na página dedicada a Maio, que é o meu mês. Fiquei a saber coisas importantíssimas.
Que Maio é o mês indicado para iniciar a transplantação do arroz. Semear Girassol e soja não transgénica. Enxertar medronheiros, damasqueiros, amendoeiras, cidreiras e laranjeiras e plantar tomate. Na horta semeia-se o agrião, alface, beterraba, brócolos, cenoura, couve, ervilha, fava, feijão e melão. No jardim é boa altura para semear cravos e manjericos.
As ovelhas devem ser tosquiadas e o gado em geral castrado.
Em termos astrológicos, fiquei a saber que os nativos sob esta constelação têm em si muito poder em parte ligado à grande estrela vermelha Aldebaram.
Com visão iluminada, determinados, ambiciosos e perseverantes. As suas palavras são dinamizadoras da harmonia.
Depois desta leitura o meu ego ficou enorme, e por isso continuo a dizer que o “Borda de Água” é uma leitura incontornável.

1 comentário:

acordomar disse...

Fizeste-me lembrar o meu pai... Nao dispensava a leitura do Borda d´agua, todos os anos o comprava, e ja houve anos que era mais dificil encontra-lo.
Beijinhos***